Brincadeira é coisa séria

Por SOMOS Educação

A importância do brincar muitas vezes é subestimada por pais e familiares. Você sabia que, ao se divertir, os pequenos também estão aprendendo? É comum vermos crianças que – após o horário escolar – contam com uma agenda repleta de atividades extracurriculares: natação, judô, dança, inglês, reforço escolar, entre outros. Mas será que elas têm tempo livre para brincar?

Para enfatizar os diversos benefícios que as brincadeiras garantem para o desenvolvimento das crianças é que surgiu a “Semana Mundial do Brincar” – ocorrida este ano entre os dias 25 de maio e 2 de junho.  A iniciativa é da Aliança pela Infância, um movimento internacional por uma infância digna e saudável. Em outras palavras, um movimento pelo encantamento do nosso olhar sobre a criança para que ela viva a infância em sua plenitude.

Brincadeira é coisa séria

Criada em 1997, a Aliança pela Infância é um movimento contínuo, como o tempo da infância. Um movimento vivo, dinâmico e criativo, articulado por uma rede de pessoas comprometidas com a infância. Suas iniciativas são orientadas por uma inspiradora Carta de Princípios elaborada no início do movimento.

Para colaborar com a iniciativa, listamos abaixo alguns benefícios das brincadeiras no cotidiano dos pequenos.

Estímulo ao trabalho em equipe

Ao participar de jogos em equipe – como vôlei, futebol, queimada, ou até mesmo um cabo de guerra – a criança aprende a importância de se relacionar com o outro, a confiar, estabelecer estratégias para um jogo bem-sucedido e criar um objetivo comum à equipe para alcançar os resultados desejados.

A criança aprende a importância de se relacionar com o outro

Combate a obesidade

Movimentar-se é importante para combater o sedentarismo e a obesidade infantil. Com o advento dos smartphones, tabletes e jogos eletrônicos as crianças tendem a se ocupar cada vez mais com atividades indoor. Estimule seus filhos a pular, saltar, correr e tomar sol em atividades executadas ao ar livre.

Espanta o tédio, a tristeza e a monotonia

As brincadeiras são importantes para a manutenção da saúde emocional e social. Ao socializar com amigos da mesma faixa etária a criança espanta emoções negativas como o tédio, a tristeza e a monotonia. Elas precisam ser constantemente estimuladas a experimentar atividades diferentes pois sabemos como crianças ativas se ressentem com a rotina do dia a dia.

Movimentar-se é importante para combater o sedentarismo

Consciência do próprio corpo

Correr, tropeçar, cair e levantar de novo. Quando as crianças andam de bicicleta, patinete, skate ou pulam corda acabam desenvolvendo uma importante consciência corporal e conhecendo os limites do próprio corpo. Aprender sobre suas possibilidades e limitações é crucial para o futuro em sociedade.

Atenção e autocontrole

Diversas atividades infantis podem ser úteis para o currículo escolar e até mesmo para o futuro profissional da criança e do adolescente. Brincar com blocos de montar, tentar solucionar os desafios de um quebra-cabeça ou até mesmo pular amarelinha colaboram com a atenção e o autocontrole, gerando benefícios que serão aproveitados em outras atividades.

Fotos: Depositphotos

 

Compartilhe nas suas redes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *