Educação que dá samba

Por SOMOS Educação

O Carnaval de São Paulo contou com uma campeã inédita nos desfiles das escolas de samba de 2020. Foi a Águia de Ouro, que promoveu o enredo “O Poder do Saber – Se saber é poder… Quem sabe faz a hora, não espera acontecer”. Com referências científicas, históricas e culturais, o desfile foi, principalmente, uma grande homenagem ao poder da educação.

Destacamos os principais momentos do desfile consagrado. Confira:

História em samba

O espetáculo abordou a história da sabedoria, da Idade da Pedra até o futuro. O sambódromo do Anhembi foi preenchido com símbolos que representavam a evolução do planeta e da humanidade. Por ordem cronológica, dinossauros, fósseis e invenções ancestrais marcaram o início do desfile. Ao final, foi apresentada, inclusive, uma ala sobre tecnologia e sustentabilidade, trilhando o caminho para o futuro do conhecimento.

Fantasias demonstram futuro do conhecimento

O saber usado para o mal

Outro destaque foi um carro alegórico que fez alusão à bomba atômica que devastou a cidade de Hiroshima no fim da Segunda Guerra Mundial. A referência se dá, principalmente, pelas possibilidades do saber também ser usado para o mal e para a destruição. O carro surpreendentemente era estruturado com uma representação da fumaça da bomba à frente, feita com palha de aço, e por trás, uma estrutura que simulava um prédio em chamas, com fogo projetado em telas.

Escola de samba bomba
Alegoria trouxe a “bomba atômica”

Personagens da cultura nerd

O desfile homenageou personagens conhecidos tanto pelas tribos ‘nerds’ bem como por serem símbolos culturais.  Harry Potter e Emília e Visconde de Sabugosa do “Sítio do Picapau Amarelo” são alguns exemplos.

Paulo Freire

A grande homenagem, por fim, foi ao educador brasileiro Paulo Freire, com uma de suas mais célebres citações: “não se pode falar de educação sem amor”, acompanhada de um “viva Paulo Freire”.

Desse modo, o desfile foi, inegavelmente, completo.

Olha só a letra do samba:

Enredo: “O poder do saber – se saber é poder… quem sabe faz a hora, não espera  acontecer”
Compositores: Marcelo Casa Nossa, Armênio  Poesia, Darlan Alves, Fredy Vianna, Xandinho Nocera e Chanel

Águia em suas asas vou voar
E no caminho da sabedoria
Páginas da história desvendar
Sou eu, no elo perdido um desbravador!
O tempo é o meu senhor
Na busca da evolução…
Criar e superar limites da imaginação
A mente “dominar”
Jamais deixar de acreditar!

Brincar de Deus… recriar a vida
Desafiar, surpreender
Na explosão a dor, uma lição ficou!
Sou aprendiz do criador

Em cada traço que rabisco no papel
Vou desenhando o meu destino
No horizonte vejo um novo alvorecer
Ao mestre meu respeito e carinho
É nova era, o futuro começou
É tempo de paz, resgatar o valor!
Águia… razão do meu viver
Berço que Deus abençoou
Nada se compara a esse amor!

Meu coração é comunidade
Faz o sonho acontecer
Pompeia guerreira chegou sua hora
É preciso saber viver!

Águia de Ouro: campeã do Carnaval de São Paulo 2020
Águia de Ouro: campeã do Carnaval de São Paulo 2020

Confira mais notícias de atualidades em: https://www.rededeexperiencias.com.br/atualiza

Fotos: Facebook Águia de Ouro
Compartilhe nas suas redes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *