Escola pública americana troca doces por livros em máquina

Por SOMOS Educação

O rápido avanço da tecnologia tem modificado a infância. Hoje em dia é cada vez mais comum ver crianças manuseando smartphones e tablets desde os primeiros anos de vida, algo inimaginável há pouco tempo. Para despertar o interesse pela leitura nos pequenos alunos, uma escola pública nos Estados Unidos substituiu a tradicional máquina de vender doces e refrigerantes por uma máquina de vender livros.

A ideia foi pensada pelos funcionários da Arthur O. Eve School of Distinction, localizada na cidade de Buffalo, no estado norte-americano de Nova Iorque. Com o apoio da direção do colégio, foi preciso um ano para arrecadar os 3 mil dólares (cerca de R$ 12 mil) necessários para a compra do objeto.

Prêmio por bom comportamento

A máquina fica na biblioteca da escola e todos os estudantes têm acesso a ela. Por meio de um sistema de recompensas, os alunos que demonstrarem bom comportamento recebem moedas nas salas de aula para trocá-las por livros. Cada série tem a chance de pegar livros na máquina uma vez por mês.

De tempos em tempos, a escola muda os livros que estão disponíveis. As obras são selecionadas para desafiar os alunos à medida que progridem nos diferentes níveis de leitura. Além disso, outro objetivo também é auxiliar os estudantes a desenvolver suas próprias bibliotecas e incentivá-los a ler em casa com os pais.

Será que uma iniciativa dessas daria certo aqui no Brasil?  Se a sua escola promove algum projeto parecido compartilhe conosco em https://bit.ly/2HRdQQ7.

Para ficar por dentro do universo da educação e de atualidades acesse https://www.rededeexperiencias.com.br/atualiza e navegue à vontade.

Fotos: Arthur O. Eve School of Distinction (EUA)
Compartilhe nas suas redes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *