Bambolina: alunos adotam boneca de livro infantil

Por SOMOS Educação

Logo que chegou ao colégio, ela foi acolhida e abraçada pelos alunos da educação infantil. Com ela, os pequenos puderam aprender e viver valores importantes que formam as relações humanas. Ela, no caso, é Bambolina, uma boneca de pano utilizada pelo Instituto Educacional Emmanuel, de Cajamar (SP), para introduzir o tema aos jovens em seus primeiros anos escolares.

A coordenadora da escola, Paula Graciela Souza de Santana, conta de onde veio a ideia.

“O projeto nasceu especialmente para a educação infantil. Nesse ano, definimos como tema do sistema as relações humanas e dar vida à Bambolina foi a ferramenta que achamos para trabalhar o assunto de forma significativa com os pequenos”, explica a coordenadora.

A boneca de pano foi originada em uma história contada pelo autor italiano Michele Iacocca, no livro “As Aventuras de Bambolina”. Na obra, tudo corria bem em sua vida, a boneca passa por diversos lugares até o dia em que, de repente, é descartada, jogada pra lá e pra cá, sem carinho, sem casa.

“Dessa história, lançamos o desafio para os nossos pequenos alunos: quem vai querer a Bambolina? Nós da escola Emmanuel! Então, adotamos e estamos cuidando dela com muito amor e carinho”, diz Santana, que dá mais detalhes: “o foco é ensinar a Bambolina os hábitos e regras e, principalmente, dar todo o cuidado e afetividade a ela. Através do lúdico, damos vida a boneca e entramos juntamente com as crianças no mundo do faz de conta”.

Crianças acompanham a história de Bambolina.

A boneca Bambolina está na escola desde o primeiro semestre, e em cada dia, uma sala fica responsável por cuidar dela, o que é esperado com muita ansiedade pelos pequenos. Ao final de cada dia, Bambolina é devolvida em seu lugar, um cantinho de descanso. Sua rotina inclui atividades diárias como as refeições (café da manhã, almoço e lanche da tarde), a recreação, a hora do soninho, das brincadeiras e de outras atividades como o teatro, as rodas de música e de histórias.

No rol de tarefas da Bambolina também está o acompanhamento dos projetos dados em sala de aula, as datas comemorativas e tudo o que é proposto para os alunos da educação infantil.

A boneca acompanha todas as tarefas

Assim como os pequenos estudantes, a boneca também está suscetível aos machucados. “Como é feita de pano e é muito manuseada pelas crianças – está sempre em movimento, transitando entre as salas, vez ou outra precisa passar por remendos e costuras, o que é tratado com normalidade pelos alunos. Eles dizem que ela foi ao Pronto Socorro, assim como eles vão quando se ferem”, revela a coordenadora da escola.

Para Paula Graciela Souza de Santana, Bambolina trouxe muito mais que o esperado para os alunos do colégio. “É lindo e gostoso de ver o quanto eles cuidam da boneca e, sucessivamente, cuidam de si e do outro. O projeto tem superado nossas expectativas, pois vê-los com esse olhar cuidadoso para a boneca e para o outro nos motiva e nos encanta! Mostra que estamos no caminho e que há sempre o melhor dentro de cada um, principalmente nas interações humanas”, celebra a coordenadora da escola.

Como fazer na minha escola

O primeiro passo é adquirir o livro “As Aventuras de Bambolina” e a boneca.

Depois, é preciso elaborar uma estratégia para a chegada da boneca. A escola optou em tocar a campainha e com os alunos da educação infantil próximos a ela fazer um suspense, com Bambolina dentro de uma caixa de madeira. Ao recepciona-la, a professora com os alunos abre a caixa e conta a história da boneca.

A próxima etapa é convidar os alunos a cuidar da Bambolina, o que certamente será aceito pelos pequenos.

Cada dia uma sala é responsável em cuidar da Bambolina. Para organizar melhor, é interessante fazer um cronograma, já que todos querem ficar todos os dias com a boneca. Para ajudar nessa divisão, o Instituto Educacional Emmanuel mostra como definiu: segunda – minimaternal; terça – maternal II; quarta – jardim I; quinta – jardim II; e sexta – pré.

Foto: Instituto Educacional Emmanuel

 

Compartilhe nas suas redes

9 comentários em “Bambolina: alunos adotam boneca de livro infantil

  • 16 de outubro de 2017 em 10:33
    Permalink

    Parabéns pelo projeto! Trabalho na escola e vejo a bambolina super bem acolhida pelos alunos e passeando por todos os espaços da escola!

    Resposta
  • 20 de outubro de 2017 em 09:07
    Permalink

    Que maravilha!!Pura ludicidade!! Encantada!! Parabéns!!

    Resposta
  • 26 de outubro de 2017 em 19:51
    Permalink

    Bom artigo, pena que eu não tenho pique para criar e escrever um blog direito rs

    Resposta
  • 12 de novembro de 2017 em 16:20
    Permalink

    eu posso fazer essa mesma atividade na minha escola?

    Resposta
    • 22 de novembro de 2017 em 11:19
      Permalink

      Pode e deve, Adalgiza! A ideia do blog é justamente compartilhar boas práticas entre as escolas. Não esquece de nos enviar o resultado também, viu? 🙂

      Resposta
  • 23 de novembro de 2017 em 20:50
    Permalink

    Que bom seria se todos os sites fossem tão bons quanto esse. Eu não perderia tanto tempo procurando por informações. Abraço e sucesso

    Resposta
  • 8 de janeiro de 2018 em 19:41
    Permalink

    Excelente artigo! Já visitei o seu blog outras vezes, porém nunca
    tinha escrito um comentário. Pus seu blog
    nos meus favoritos para que eu não perca nenhuma atualização.
    Grande abraço!

    Resposta
  • 25 de fevereiro de 2018 em 22:25
    Permalink

    Excelente ideia!!! Muito criativo e de grande valia. Farei uma Bambolina e contarei a história para minhas crianças.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *