Conhecendo as profissões

Por SOMOS Educação

O que você quer ser quando crescer? Essa é uma pergunta frequente no cotidiano dos jovens. Nem sempre é fácil tomar uma decisão, principalmente na fase em que está se formando como ser humano. Os sonhos, fantasias, medos, anseios e a opinião da família acabam se misturando e confundido os estudantes. Nesse cenário complexo de orientação vocacional, o ambiente escolar é fundamental. Para aproveitá-lo, a Escola Emmanuel, do município de Cajamar, em São Paulo, criou o Projeto Profissões. A iniciativa ensina os alunos a valorizarem os diversos tipos de profissões e suas funções na sociedade.

“O objetivo central desse projeto é desenvolver a criatividade, a imaginação e a autonomia dos alunos”, explica a professora e idealizadora da atividade, Ariadnin de Araujo Silva. Para ela, “o ambiente escolar propicia as mais variadas situações que se tornam referências na vida dos jovens e ajudam a formar sua personalidade. Nos intervalos das aulas, por exemplo, é comum encontrarmos crianças brincando de médico, professor e cozinheiro. São os ofícios mais conhecidos, mas não são os únicos, existem outros que também são importantes.”

Diversas profissões foram exploradas
Diversas profissões foram exploradas

Profissões diversas

Com o projeto, a escola apresenta e explora diferentes profissões para os alunos. Em cada mês, baseado na curiosidade dos estudantes, uma carreira é escolhida para ser trabalhada em sala de aula. O professor utiliza recursos audiovisuais para explicar sobre a profissão, depois cria situações que despertem a imaginação, a criatividade e a curiosidade sobre o profissional e sua atuação.

“Recentemente, trabalhamos com a profissão de bombeiro. Confeccionamos um caminhão com caixa de papelão, o extintor com garrafa pet e prédios com caixas. Simulamos um incêndio, as crianças eram os bombeiros e precisavam salvar a vida das pessoas que estavam dentro dos prédios. Foi um momento rico! Eles passaram a assimilar tudo que remetia a profissão bombeiro”, destaca a professora.

Alunos conhecem a profissão de bombeiro
Alunos conhecem a profissão de bombeiro
A profissão de astronauta também cativou os alunos
A profissão de astronauta também cativou os alunos

O resultado

Por meio da atividade, os alunos demonstram interesse pelas profissões, começam a pensar no futuro e a formar sua identidade. “E quanto maior o engajamento do professor no projeto, melhor será o resultado”, diz a professora Ariadnin. Ela conclui: “o sucesso do projeto está relacionado ao estudo, planejamento e dedicação do professor. É de suma importância que o docente mergulhe nesse mundo, para aguçar a curiosidade dos estudantes em aprenderem mais sobre as profissões.”

Como fazer na minha escola:

– Inicie o projeto investigando os conhecimentos prévios dos alunos em relação ao tema “profissão”;

– Após decidir o tema da atividade, apresente vídeos explicando o que os profissionais fazem, onde atuam e como atuam;

– Confeccione, juntamente com os alunos, algo que represente a profissão escolhida ou o que o profissional faz;

– Faça jogos e murais, conte histórias que fale sobre a profissão. Complemente a atividade levando os alunos para um passeio no local onde o profissional atua.

Para ver outros projetos de destaque na educação navegue em https://www.rededeexperiencias.com.br/na-pratica. E se sua escola também promove e incentiva a participação dos alunos em projetos incríveis, compartilhe conosco em https://bit.ly/2HRdQQ7.

Fotos: Escola Emmanuel

 

Compartilhe nas suas redes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *