Plantando árvores e semeando boas ideias!

Por SOMOS Educação

O Colégio Prisma, de Osasco (SP), aproveitou a celebração do Dia Mundial da Árvore, que acontece em 21 de março, para mais que plantar árvores, semear a consciência ambiental.

Tudo começou quando, em sala de aula, na explanação com os alunos sobre as características do ar, surgiu a ideia de um projeto maior, que não somente celebrasse a data, como também sensibilizasse a população para a importância da preservação das árvores, pelo equilíbrio ambiental e ecológico, bem como pela própria qualidade de vida das pessoas.

“A ideia logo foi abraçada e os alunos, então, foram motivados a pesquisar quanto de gás carbônico é liberado na cidade de São Paulo todos os dias, por exemplo, somente pela frota de ônibus existente na cidade. Nesse levantamento, descobriram que um parque como o Ibirapuera resgata de dióxido de carbono (CO2) apenas o que 15 ônibus de uma frota de mais de 300 liberam. Essas e outras informações descobertas impactaram bastante os estudantes que, nas semanas seguintes, puderam compartilhar tudo com os demais colegas do 6° ano”, detalha a professora Carla Polis Sperandio.

E a pesquisa evoluiu…

A motivação para a pesquisa foi tamanha que, em seus levantamentos e descobertas, um aluno levantou a questão da morte das abelhas nos centros urbanos por falta de flores e, por consequência, a diminuição da produção de mel. “Essa informação, então, foi incorporada ao projeto e dela veio a inspiração para, no dia da ação proposta pelo colégio, que era a doação de mudas, entregarmos mudas de frutas, pois produzem flores e néctar para as abelhas. Juntamos, assim, o útil ao agradável nessa ação e as crianças se dedicaram com muita felicidade acima de tudo”, ressalta a professora Carla.

Ao celebrar a data, as 200 mudas de frutas tropicais compradas pelo colégio foram oferecidas pelos próprios alunos a seus pais. Na entrega, um bilhete explicava a importância de lembrar a ocasião, enquanto os alunos aproveitavam para conversar com cada interessado sobre a seriedade da discussão e a necessidade do plantio das mudas, tanto para o resgate do CO2 da atmosfera quanto para a sobrevivência das abelhas, entre outros argumentos debatidos em aula.

Alunos entregam mudas e disseminam a consciência ambiental

Para a professora que conduziu a ação, o projeto gerou uma mudança de comportamento nas crianças. “Elas passaram a ficar curiosas sobre os tipos de árvores que possuíam em suas propriedades, sítios e casas. Queriam saber se elas produziam flores e se já haviam visto abelhas sugando néctar. Foi tão bacana que a empolgação deles acabou passando para os pais, que apoiaram e de várias formas quiseram ajudar na iniciativa. Foi muito especial ver a interação da comunidade escolar. A ação foi extremamente positiva e certamente será repetida”, ressalta, satisfeita, Carla.

Como fazer na minha escola:

Introduza o tema em sala de aula. Peça para que os alunos pesquisem sobre liberação de dióxido de carbono na atmosfera e comparem com o resgate do mesmo feito pelas árvores;

Aproveite para disseminar a ideia de que conscientização da população é fundamental para diminuir a poluição e que podemos colaborar plantando e cultivando árvores nos centros urbanos;

Depois, é comprar ou plantar mudas de árvores frutíferas e distribuir para os pais e para a comunidade escolar em um dia estipulado, Esse dia pode ser o 21 de março, quando se comemora o Dia Mundial da Árvore.

Foto: Colégio Prisma
Compartilhe nas suas redes

2 comentários em “Plantando árvores e semeando boas ideias!

  • 28 de maio de 2018 em 19:11
    Permalink

    Amei a forma como o projeto foi explorada nesta reportagem. Me senti orgulhosa e muito feliz.
    Agradeço o incentivo da revista Rede de Experiências. Em breve enviarei mais projetos.
    Obrigada por tudo.
    Atenciosamente, professora Carla Polis

    Resposta
    • 13 de junho de 2018 em 12:56
      Permalink

      Sinta-se orgulhosa mesmo, Prof. Carla! O projeto é lindo e esperamos receber mais participações da sua escola em nossa Rede.

      Grande beijo!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *